Arcanos maiores Tarô

Os arcanos maiores – um grupo de cartas do baralho de Tarô, responsável por eventos importantes na vida humana. Sua história leva o leitor ao Egito Antigo. Havia 22 imagens enormes nas paredes dos templos. Em cada um deles estava "selado" algum significado superior, uma ideia importante. Apenas os sacerdotes e alguns iniciados compreendiam a essência dos desenhos secretos. Essas imagens se tornaram o protótipo das cartas principais. Em seguida, o grupo mais jovem foi adicionado-lhes. Centenas ou mesmo milhares de tarólogos colocam seu tempo no altar do conhecimento para entender o que exatamente significam os esboços egípcios. Como resultado, eles ainda conseguiram lançar luz sobre a sabedoria antiga.

Significado dos arcanos maiores no Tarô

Em qualquer baralho de Tarô, os arcanos maiores são um reflexo do mundo interior de uma pessoa. Cada parte separada deste grupo mostra uma seção do Grande Caminho ao longo do qual uma pessoa se move. A jornada começa com o Louco e termina com o Mundo. Do lado de fora, você pode ver como o primeiro pensamento se transforma em um resultado específico. Além disso, os arcanos maiores personificam os arquétipos – as imagens originais que o subconsciente humano contém. Com a ajuda das cartas principais, você pode não apenas realizar sessões de adivinhação, mas também trabalhar com a psique. Existem técnicas que requerem apenas 22 arcanos maiores. Esta prática é indicada para iniciantes e também para profissionais.

Todos os arcanos maiores são importantes nas tiragens. Vale a pena prestar atenção a eles em primeiro lugar. Assim, a previsão é construída em torno da carta principal, e os naipes menores apenas complementarão o significado geral da adivinhação. Você pode comparar o significado dos arcanos maiores com substantivos e verbos. Os menores são adjetivos. Com o tempo, o praticante aprende a ler muito rapidamente, sem pensar em cada “palavra” individual. Não se esqueça da posição invertida. Neste caso, os arcanos maiores são jogados como um arquétipo de sombra, o reverso. Tudo neste mundo é dual, e o Tarô não é exceção.

Três grupos dos arcanos maiores

A palavra em si vem do latim "arcanum" – um mistério, um segredo. Assim, as cartas principais mostram informações ocultas visualizadas em um arquétipo específico. Em 1913 P. D. Uspenski apresentou ao mundo sua visão da estrutura do Tarô. Ele acreditava que o baralho mostra a relação entre o homem, Deus e o universo. Assim, os arcanos maiores, em sua opinião, são um reflexo do Todo-Poderoso. Eles são divididos em três grupos: Mente, Alma e Sendo. Uspenski propôs colocar o Tolo da corte no centro e considerar a própria essência do indivíduo. É a fonte da qual tudo brota nos mundos manifestos e também nos mundos internos.

Arcanos da Mente

O grupo da mente inclui os arcanos maiores do primeiro ao sétimo. O Mago inicia esta corrente. Simboliza o primeiro pensamento, o nascimento de um plano de ação. Em seguida vem a Sacerdotisa. Esta carta mostra a influência da mente subconsciente no processo de pensamento. Então a Imperatriz entra em cena. Dá motivação e sentimentos. O Imperador é responsável pela força, poder. O Papa parece dar uma bênção, permitindo que os pensamentos toquem a alma. Os Enamorados personificam a escolha, a eterna oscilação entre "fazer" e "não fazer". O Carro mostra prontidão para a ação. No entanto, este ainda é o início da jornada. Além disso, o primeiro impulso deve passar pelo coração humano.

Arcanos da Alma

A alma é uma espécie de filtro que separa o joio do trigo. Os arcanos maiores deste grupo também possuem sete posições. A Força denota uma luta interna, uma prontidão para enfrentar obstáculos com a viseira aberta. O Eremita é responsável pelo autoconhecimento, solidão em prol do crescimento espiritual. A Roda da Fortuna representa a confiança no mundo, a vida no ritmo do universo. A Justiça simboliza a voz da consciência, a moralidade. O Enforcado mostra a capacidade de estabelecer restrições, proibições. A Morte representa uma fase de transição. E a Temperança parece curar as feridas recebidas, dá esperança de vitórias futuras. O questionador conseguiu concordar consigo mesmo, entender os sentimentos que experimentou. Agora é hora de ação.

Arcanos do Sendo

O sendo é a manifestação do indivíduo no mundo externo. Os arcanos maiores deste grupo mostram eventos importantes que não podem ser passados. Todo buscador terá que enfrentá-los. O Diabo personifica todo tipo de tentação. Satanás é como um obstáculo onde muitos tropeçam. A Torre mostra: destruição, dificuldades da vida, crises. Mas a Estrela dá esperança de um futuro brilhante, ajuda a curar. A Lua novamente continua motivos negativos – significa solidão, experiências. O Sol também simboliza a vitória, a superação completa dos obstáculos. O Juízo Final aponta para atos passados, predetermina um final bem-merecido. O Mundo mostra a conclusão do processo em consideração, a realização da meta. O Mago é coroado com a Coroa, ele completou sua jornada.

Significado das cartas dos arcanos maiores

Além de vários tipos de mistérios, os arcanos maiores também mostram fenômenos terrestres comuns. Você pode considerar o baralho de Tarô como uma espécie de holograma da vida, onde há absolutamente tudo. Esta jornada começa no nascimento e termina na morte. Mas além das manifestações físicas, as provações espirituais também são mostradas aqui. Portanto, você pode considerar as cartas principais de qualquer lado – o baralho “conversará” com o adivinho em um idioma que ele entenda. A posição invertida dará significados adicionais, associações. Neste caso, o tipo de cartas falará das características menos manifestadas ou de um excesso de energia. Você deve se concentrar nas posições de acompanhamento e em seus próprios sentimentos da tiragem.

O Louco

Zero ou Louco em uma posição direta significa criatividade e uma abordagem não trivial. O Bobo da corte personifica o excelente humor e a capacidade de simplesmente aproveitar a vida sem se preocupar com o amanhã. Espiritualmente, os arcanos maiores sem um número mostram a iluminação. O indivíduo está pronto para perceber a vida diretamente, e não através dos filtros impostos pela mente. De forma invertida, o Tolo simboliza imprudência, esperanças vazias. Esta informação é falsa. Muitas vezes, nesta forma, o Mendigo cai quando quer consultar o tarólogo. Ele recebe deliberadamente dados falsos para colocá-lo em uma posição desconfortável.

O Mago

O Mago implica uma atitude interior para a vitória. O arcano maior no número 1 mostra a capacidade de trabalhar com o que é. No plano de vida usual, o Feiticeiro se desenrolará como ações concretas, passos em direção ao objetivo. Também denota um jogo psicológico sutil. Mas no contexto da espiritualidade, o Encantador personifica o uso de uma abordagem não padronizada. O questionador pode procurar ajuda de magos e médiuns, ou independentemente tenta conjurar. Em posição invertida, o Malabarista mostra uma manipulação franca, uma abordagem egoísta. Alguém puxa todo o cobertor sobre si mesmo, independentemente da opinião dos outros.

A Suma Sacerdotisa

A Sacerdotisa é um reflexo do inconsciente. Denota um potencial psíquico oculto, bem como um desejo pelas ciências ocultas. Mais arcanos maiores no número dois personificam uma informação secreta e oculta. Muitas vezes, a Papisa cai quando uma pessoa ou evento não pode ser contado com segurança. O objeto de interesse parece estar envolto em neblina. A Suma Sacerdotisa invertida mostra uma mulher secreta – uma amante. Eles deliberadamente querem esconder algo do querente para que ele se engane. Além disso, a posição da carta sugere a magia do amor. Em alguns casos, simboliza uma garota específica – uma bruxa ou feiticeira.

A Imperatriz

A Imperatriz é o arquétipo da Mãe. Ela mostra a capacidade de dar vida e cuidar de sua prole. Ao mesmo tempo, tanto uma criança diretamente humana quanto um novo projeto podem ser considerados uma criança. De qualquer forma, o questionador deve investir na implementação do plano. Além disso, o arcano maior no número três denota vida, família. Mas no sentido invertido, a Senhora insinua pretensão excessiva, tutela. Na realidade, a posição da carta será representada pela presença de uma certa dama, dominando a cartomante. Pode ser: mãe, avó, chefe. Com sua superproteção e rigidez, ela não permite que o consulente se torne independente.

O Imperador

O Imperador é responsável pelo arquétipo do Pai. Significa resistência, perseverança. Os arcanos maiores sob o quarto número simbolizam uma posição estável, confiabilidade. O Senhor mostra um homem específico – pai, avô, chefe. Também pode falar sobre alguns negócios, negócios. Muitas vezes simboliza imóveis. Na posição invertida, personifica a pressão excessiva. Ter um apartamento ou uma casa torna-se oneroso. Um homem, por outro lado, atravessa fronteiras, mostra crueldade e despotismo. O Imperador no "menos" é uma energia desenfreada capaz de destruir tudo em seu caminho.

O Hierofante

O Papa ou o Sumo Sacerdote mostra confessores, sacerdotes. É uma igreja, uma religião. Além disso, o arcano maior no número cinco indica medicina ou ensino. O Hierofante significa gurus espirituais que conduzem seu rebanho à verdade. Também simboliza o casamento em uma igreja, um casamento. Ele também fala sobre sistemas hierárquicos – relacionamentos verticais. Mas em um sentido invertido, é jogado como um falso ensinamento. A confiança do querente será usada. A religião torna-se apenas um método de supressão. O risco de cair em uma seita é grande. O questionador está psicologicamente aberto a todos os tipos de charlatães e personalidades suspeitas.

Os Enamorados

Os Enamorados é a carta de escolha. Implica uma bifurcação na estrada, a necessidade de decidir final. Muitas vezes, as perspectivas que se abrem acabam sendo completamente opostas. E a vida futura depende da escolha da direção posterior. Os arcanos maiores no número seis podem falar de flutuações entre dois parceiros, bem como várias ofertas de emprego. Invertidos, os Amantes é responsável pela incapacidade de tomar decisões. O querente pensa em algo o tempo todo, mas tem medo de dar um passo em uma direção ou outra. Com essa abordagem, você não pode esperar mudanças drásticas.

O Carro

O Carro mostra movimento ao redor do mundo ou algum tipo de crescimento, desenvolvimento em algo. O arcano maior no número sete personifica a transição, o ponto de virada. O caminho para o novo está se abrindo, então é preciso determinação do consulente. Na posição invertida, a Carruagem apresenta um movimento retrógrado. Isso é degradação, um retorno ao passado. Às vezes será perdido como correr em círculo ou esforço extra. Uma pessoa não quer esperar por algo, ela apressa as coisas. No entanto, o futuro ainda não foi formado e, portanto, todas as tentativas de enganar o destino serão malsucedidas. Além da intenção interna, devem aparecer fatores favoráveis.

A Força

A Força é uma carta de uma enorme quantidade de energia, poder. Na realidade, os arcanos maiores abaixo do oitavo número mostram a necessidade de lutar com algo. O adivinho derrotará ainda um oponente mais forte e influente. O mesmo se aplica à luta interna – será possível superar os desejos básicos. O Poder invertido prevê a derrota devido a um temperamento ardente. É um fogo imparável que pode destruir tudo em seu caminho. Ou o querente enfrentará um oponente mais poderoso que não poderá derrotar. Nesse caso, a sorte deixa o questionador e passa para o lado inimigo.

O Eremita

O Eremita mostra um estilo de vida solitário, reflexões sobre o eterno. O questionador descobre a si mesmo, descobre novos talentos. O arcano maior sob o nono número denota uma abordagem filosófica da vida. O Ancião também fala de deixar alguém ou uma situação. Uma pessoa está disposta a deixar muito para seguir um caminho diferente. Em posição invertida, o Eremita indica tentativas de fuga. A pessoa se esquiva da responsabilidade ou evita encontros com o mundo real. De qualquer forma, ele não vive uma vida plena, preferindo se esconder atrás de uma pilha de livros. E tudo isso é dado por supostamente obter o conhecimento necessário.

A Roda da Fortuna

A Roda da Fortuna personifica o próprio destino e sua variabilidade. Mostra periodicidade, sorte e felicidade temporária. Os arcanos maiores número dez ser o bilhete para uma vida melhor. Ninguém pode garantir a vitória, porque aqui tudo é decidido por acaso. No entanto, a sorte às vezes dá aos indivíduos arriscados uma razão para beber champanhe. Mas na forma oposta, a Roda do Samsara indica má sorte crônica, fracasso constante. Na vida de um adivinho, uma faixa preta começa com todas as consequências que se seguiram. Uma pessoa também tem sorte, mas, infelizmente, na outra direção. É inútil lutar contra o destino, então a única saída é suportar e esperar por tempos melhores.

A Justiça

A Justiça é responsável pela liquidação de interesses. Isso é moralidade, consciência. O arcano maior sob o décimo primeiro número é muitas vezes jogado como litígio, trabalho com papéis. E neste caso, a verdade será para o questionador. Ele será capaz de alcançar a justiça, de defender seus próprios direitos. E na forma oposta, a Jurisprudência implica a perda de sustentação, qualidades morais. Assim, uma pessoa pode fazer a escolha errada ou interpretar mal algo. Há um grande risco de perder o caso no tribunal, mesmo que a pessoa seja inocente. Às vezes, a visão invertida da carta mostra casos fabricados, corrupção.

O Enforcado

O Enforcado, mesmo na forma direta, tem um significado negativo. A carta mostra assuntos prolongados, a incapacidade de se mexer. Os arcanos maiores sob o décimo segundo número são jogados positivamente apenas se a questão diz respeito a uma doença. Neste caso, o Dependurado implica em remissão. Na forma oposta, simboliza a fraqueza, a incapacidade de sair da armadilha criada por si mesmo. Uma pessoa torna-se refém de suas ideias e ações. Ele caiu uma armadilha, mas não sabe como sair de lá. Aqui vale a pena culpar apenas a si mesmo. Na posição invertida, a carta dá a chance de sair da estagnação.

A Morte

A Morte marca o fim de um período. Pode ser uma morte física ou uma crise espiritual. De qualquer forma, a vida do consulente mudará drasticamente. O arcano maior sob o décimo terceiro número promete eventos fatais. Além disso, a evolução futura da situação pode revelar-se bastante positiva. Algo novo sempre chega ao lugar da perda. Mas na forma oposta, o Ceifador indica estar preso no passado. Uma pessoa não quer deixar um ex-parceiro ou deixar um emprego chato. Assim, ele simplesmente se distancia do melhor futuro possível. O medo de deixar ir põe fim a possíveis mudanças positivas.

A Temperança

A Temperança é a carta do meio. Mostra um período calmo da vida, a oportunidade de pensar muito, de relaxar. Uma pessoa não está esperando por nenhum choque ou provação. O destino parecia dar um cupom para uma ida ao spa. Os arcanos maiores número quatorze são responsáveis por eventos que não mudarão de forma alguma. O adivinho permanecerá no mesmo ponto em que estava antes. Mas na posição oposta, o Equilíbrio será perdido como estagnação, falta de vontade de se desenvolver. O indivíduo é desnecessariamente lento, inerte. É daí que vem todo o problema. Onde é necessário mostrar atividade, o consulente começa a realizar uma análise detalhada.

O Diabo

O Diabo aponta para todos os desejos básicos do homem, os pecados. No entanto, o arcano maior no número quinze pode prometer sucesso sem precedentes, grande influência, fama e fortuna. Não há barreiras para o Deus das Trevas. Ele concede todas as bênçãos a suas alas. Mas em troca, ele exige muito. Em posição invertida, Baphomet mostra traição, mentiras reveladas e queda de status. Águas escuras revisitaram todos os pecados do questionador. Agora você tem que levar a culpa pelos erros do passado. Em alguns casos, o Diabo invertido será jogado como uma espécie de punição, uma maldição. É também todos os tipos de vícios, maus hábitos.

A Torre

A Torre indica destruição, escândalos e brigas. É uma energia poderosa com grande potencial. No entanto, agora apenas anula todos os esforços do questionador. Os arcanos maiores no número dezesseis significam perda, movimento para trás. Tudo uma vez criado por um adivinho simplesmente se transformará em pó. E não adianta lutar contra a vida, tentar restaurar qualquer coisa. Em uma posição invertida, a Casa Deus simboliza a agressão contida. No entanto, a psique do próprio questionador sofre com tal pressão. Mais cedo ou mais tarde ele vai explodir, e então as perdas são inevitáveis. Não há nada pior do que uma pessoa calma que está chateada com as circunstâncias.

A Estrela

A Estrela é um símbolo de esperança. A carta muitas vezes mostra sonhos, fantasias e sonhos sobre o futuro. O arcano maior no número dezessete indica pensamento criativo, arte. Além disso, a carta do Sonho fala de grandes distâncias – tanto física quanto psicologicamente. Às vezes ela mostra amor platônico. De forma invertida, personifica a tendência de embelezar, mentir para si mesmo e para os outros. Isso é insegurança, inconstância, vagar nas nuvens. Uma pessoa vive em ilusões, não quer aceitar o estado real das coisas. É muito mais fácil para ela viver em suas próprias fantasias do que dar algum tipo de passo decisivo.

A Lua

A Lua simboliza os cantos ocultos da alma. Este é o inconsciente, o outro lado da moeda. Na carta do Crepúsculo, várias influências mágicas e práticas divinatórias também costumam passar. Os arcanos maiores no número dezoito significam: esconder a verdade, momentos não totalmente compreendidos. A carta também representa uma boa intuição. Invertido, promete brigas e escândalos. As pessoas não podem concordar umas com as outras e, portanto, destroem assuntos e projetos conjuntos. Aqui o Crepúsculo invertido será jogado como uma mentira, um desejo de impedir que o oponente tenha sucesso. Outra posição da carta indica a presença de medos, fobias.

O Sol

O Sol é uma carta de sucesso, alegria e diversão. O arcano maior no número dezenove tem uma energia "quente" que pode motivar. O querente alcançará seu objetivo, poderá ganhar fama e influência. A carta também dá o direito de dar um tempo, descansar. O questionador trabalhou duro e agora está colhendo os frutos. De forma invertida, a Prosperidade sugere egoísmo ou narcisismo. Esta posição simboliza a arrogância, o desejo de ser o primeiro em tudo, mesmo em detrimento dos outros. A mesma energia do Sol é capaz de queimar, infligindo uma ferida. Às vezes, a atividade excessiva apenas destrói, não permite que você se olhe de fora.

O Julgamento

O Juízo Final simboliza a conclusão, o final. Todos receberão estritamente de acordo com seus méritos. Os arcanos maiores no número vinte indicam a influência da consciência, da ética interna. Aquele que é puro de alma e pensamentos, com certeza receberá o que é devido. Os Poderes Superiores não dormem, eles veem tudo o que acontece na terra. No sentido oposto, a Eternidade é jogada como esquecimento, deixando de lado. Uma pessoa tem que esperar muito tempo por algo. No entanto, ele nunca obtém a resposta final. Além disso, a posição da carta indica a punição devida. Em alguns casos, o Julgamento revertido alude à morte física.

O Mundo

O Mundo é a carta final. Mostra a conclusão de algum estágio da vida. O questionador logo receberá uma recompensa por todos os trabalhos e dificuldades. O arcano maior no número vinte e um indica um destino feliz, a oportunidade de relaxar, encontrar harmonia. Isso é amor, beleza externa e interna. A carta também denota o próprio planeta Terra, longas distâncias, espaço na Internet. Mas de forma invertida, a Coroa dos Magos personifica a peregrinação nas nuvens em vez de ações específicas. Uma pessoa sai do chão e esquece seus deveres. Ele fica preso na espiritualidade, se dissolve em outra pessoa. Mas tudo isso é muito perigoso, pois aumenta o risco de cair de uma grande altura.

Arcana do Tarô